terça-feira, 10 de junho de 2014

Igreja Universal deve deixar Rede Record, diz colunista

Dono da Igreja Universal e da concessão da Rede Record, o bispo Edir Macedo injeta o dinheiro que arrecada nos templos espalhados pelo País na sua emissora de TV.
Os milhões investidos pela igreja no canal paulista estão com os dias contados. Segundo o colunista Ricardo Feltrin, a ideia do empresário é que a Universal se desvincule totalmente da Record até 2020.
Ou seja, a emissora não irá mais exibir programas religiosos como o "Fala Que eu Te Escuto".
O prazo de seis anos foi estabelecido como meta para saber se o departamento comercial da Barra Funda irá conseguir sobreviver sem o dinheiro da locação de horários feitas pela Universal.
O valor pago pela Igreja pelas madrugadas da Record nunca foi divulgado. Especula-se que o horário seja "vendido" por cerca de R$ 540 milhões, algo totalmente fora do mercado.


Fonte: Msn Entretenimento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados aqui, são de inteira responsabilidade dos leitores e não refletem a opinião do nosso Portal